A Brigada Militar de São Lourenço do Sul sob o comando do Capitão Fábio Suppo Mendonça, recebeu no mês de agosto, novos policiais militares, sendo reforçadas as ações de polícia ostensiva no município. Neste período foram realizadas as seguintes ações:

  • 422 pessoas identificadas;
  • 77 prisões;
  • 69 apreensões de objetos;
  • 1 arma de fogo apreendida;
  • 927 veículos fiscalizados;
  • 98 veículos autuados;
  • 9 CNHs apreendidas;
  • 20 veículos recolhidos;
  • 87 testes de etilômetro;
  • 122 autos de infrações de trânsito;
  • 6 acidentes de trânsito com lesão corporal;
  • 242 ocorrências atendidas;
  • 53 estabelecimentos comerciais visitados;
  • 1 operação integrada com outro órgão.

Em nota, a BM se posiciona quanto à importância da comunidade nas ações de segurança pública:

“Todas essas ações visam garantir a preservação da ordem pública e reforçar a sensação de segurança da comunidade lourenciana. Além disso, a Brigada Militar informa que efetuar ligação informando falso crime ou contravenção (trote), para o número de emergência 190 causa transtorno devido ao deslocamento de viatura e policiais militares ao local, e está tipificado no Código Penal Brasileiro.

Comunicação falsa de crime ou de contravenção

Art. 340. Provocar a ação de autoridade, comunicando-lhe a ocorrência de crime ou de contravenção que sabe não se ter verificado

Pena: detenção, de um a seis meses, ou multa.

A Brigada Militar está nas ruas 24 horas por dia, os sete dias da semana com os policiais militares para garantir a segurança pública da sociedade. A comunidade pode colaborar anonimamente com informações sobre pessoas e veículos suspeitos.

A BM reforça o pedido de compreensão e parceria da comunidade quando de suas ações que sempre visam o melhor resultado a todos”.

Ou seja, Brigada Militar, a força da comunidade lourenciana e, o reconhecimento do São Lourenço Repórter.