O prazo para a apresentação de notas ficais de compra de vacinas contra a febre aftosa à Inspetoria de Defesa Agropecuária de São Lourenço do Sul fora prorrogado até 30 de abril. Na manhã desta quarta-feira (25) conversamos no São Lourenço Repórter com a empresária Sana Bichler, da Agropecuária Querência, haja vista que a comprovação pode ser feita diretamente na loja. Bichler conta que a cópia da nota fiscal de compra da vacina contra febre aftosa e a declaração da quantidade de bovídeos vacinados, são encaminhados via WhatsApp diretamente da Querência, sem o cliente precisar se deslocar até a Inspetoria. A medida faz parte dos esforços do Estado para deter a propagação do novo coronavírus no Rio Grande do Sul. Inclusive na Querência estão disponíveis formulários para a declaração.

Na entrevista a empresária também falou sobre o projeto “#tecuida, você é importante pra nós”, uma iniciativa da Agropecuária Querência, em que o momento reserva ações de retribuição ao cliente.​

“Doe aquilo que você pode doar, seja tempo, seja uma mensagem otimista, ou alguma coisa que vá somar na vida de alguém. Vamos procurar fazer uma corrente de coisas boas, a gente já tem o monte de informação ruim que está circulando.”

Sana Bichler

Empresária, Agropecuária Querência

Quer saber mais sobre o projeto “#tecuida, você é importante pra nós”, vacinas contra a febre aftosa e facilidades de comprar na Agropecuária Querência via WhatsApp? ESCUTE A ENTREVISTA:

Entrevista com a empresária Sana Bichler

por São Lourenço Repórter | 25/03/2020