O governo do Rio Grande do Sul atualizou no final de semana os dados do distanciamento controlado, que define protocolos com restrições proporcionais ao risco epidemiológico do coronavírus. Na atualização, a região de Pelotas, que engloba São Lourenço do Sul, apresentou melhora, saindo da bandeira laranja para a amarela (risco baixo). Com as mudanças, o RS tem apenas quatro áreas em amarelo: Bagé, Cachoeira do Sul, Pelotas e Taquara. Pela quarta semana consecutiva, não há bandeira vermelha (risco alto) e preta (altíssimo), no estado.

Em entrevista na manhã desta segunda-feira (8) ao São Lourenço Repórter, o prefeito Rudinei Härter (PDT), relatou que a municipalidade, juntamente com os demais prefeitos que integram a Associação dos Municípios da Zona Sul (AZONASUL), definirão a retomada de algumas atividades que estavam suspensas – a principal delas: a retomada do ano letivo na rede municipal. “Em São Lourenço são 3.846 alunos na rede pública municipal. Vamos construir a possibilidade de volta às  aulas para não perder o ano letivo”, destacou Härter, que avalia os investimentos para controlar o distanciamento entre alunos e o quanto impactará no caixa do município.

Outra atividade que esta sendo estudada para retornar, é o esporte, com a liberação de ginásios e campos de futebol, por ora, ainda vetados. Ou seja, o distanciamento social e a obrigatoriedade da máscara permanecem, mas algumas atividades poderão ter maior flexibilidade.

Contudo, o prefeito acredita que as Eleições Municipais serão mantidas para 4 de outubro ou postergada para dezembro, sendo assim, ainda em 2020.

ESCUTE A ENTREVISTA:​

Entrevista com o prefeito Rudinei Härter (PDT)

por São Lourenço Repórter | 8/06/2020