Em meio à pandemia da COVID-19, o mundo teve de se reinventar. De um dia para o outro, nossas rotinas tiveram de ser alteradas drasticamente. Desde o jeito de sair na rua à forma de trabalhar, fomos obrigados a nos adaptar.

Para parte da população, uma mudança tão repentina assim resulta em efeitos preocupantes. Sem trabalhar normalmente, o sustento de muitas famílias acaba afetado.

Ações solidárias se espalharam pelo mundo, mais do que a própria pandemia. Se por um lado estamos obrigados a manter um isolamento social, por outro nos aproximamos ao fazer o bem.

Por esta razão, a Osirnet criou a campanha Solidariedade Conectada. A empresa, provedora de internet presente em 13 municípios da região sul do Estado, aproveita sua abrangência para espalhar ainda mais ações que busquem ajudar quem precisa.

A campanha está destinando parte das taxas de ativações para compra de alimentos a serem doados nos municípios atendidos pela Empresa. Os alimentos são divididos proporcionalmente com a base de clientes da empresa em cada cidade.

Desde o seu lançamento, em abril, a iniciativa já doou mais de quatro toneladas de alimentos.

Nesta terça-feira, 24, foi a vez de São Lourenço do Sul colher os frutos da Solidariedade Conectada. A equipe da Osir foi recebida na Secretaria do Desenvolvimento Social e Habitação. A pasta da Prefeitura Municipal dará destino aos alimentos doados através de seu atendimento as famílias carentes de São Lourenço do Sul.