A Câmara Municipal de São Lourenço do Sul, através da Presidência, Mesa Diretora e Vereadores, oficializou na tarde de terça-feira (29), o repasse financeiro das economias do Legislativo Municipal para o executivo (duodécimo). Foi realizada a transferência bancária de R$ 1 milhão, referente ao Duodécimo 2020. O valor vai oportunizar ao município ações importantes de combate ao Coronavírus e mais qualidade no atendimento em saúde aos lourencianos. O presidente da Câmara Luis Weber (PT), juntamente com a Mesa Diretora, sugere que o município repasse uma parte do recurso para a Santa Casa de Misericórdia quitar suas obrigações e manter um atendimento adequado para a comunidade.

Com a ação, São Lourenço do Sul deve garantir a compra de vacinas contra a Covid-19, conforme ofício do executivo enviado à Câmara Municipal.

Presidente da Câmara, Luis Weber (PT) salienta o papel do Legislativo este ano, no contexto da pandemia. “Mantive um diálogo muito próximo com a Mesa Diretora, todos os vereadores e servidores do legislativo e com os setores organizados da sociedade. Uma das minhas prioridades desse ano foi desenvolver, em conjunto com a mesa diretora do legislativo e colegas vereadores o duodécimo e valores importantes do fundo da Câmara para o auxílio financeiro para o enfrentamento da pandemia da Covid-19 e ações em saúde  garantindo uma Santa Casa forte a disposição de toda a Comunidade .”, destaca Weber.

Além do duodécimo, o Legislativo também aprovou por unanimidade a destinação de R$ 400 mil do Fundo Especial da Câmara como auxílio financeiro para o enfrentamento da pandemia COVID-19. A votação ocorreu na Sessão Ordinária desta segunda-feira (28), através do Projeto de Lei Nº 0056/2020, nos termos do Decreto nº 5.313, de 20 de março de 2020, que estabeleceu o estado de Calamidade Pública no Município. O recurso, que é uma reserva do Legislativo, será encaminhado ao Executivo nos próximos dias com o intuito de colaborar com o auxílio financeiro para o enfrentamento da pandemia COVID-19.

No primeiro semestre de 2020, a Câmara Municipal destinou R$ 250 mil para o executivo como medida emergencial em apoio ao combate e reflexos da pandemia, o recurso também foi oriundo da antecipação de devolução do duodécimo. Na oportunidade o Legislativo também pediu prioridade na destinação de recursos nas ações emergenciais da estiagem no município. Somente em 2020 foram economizados pelo Legislativo garantindo investimento na saúde dos lourencianos R$ 1,6 milhão.

Texto dos Jornalistas

Diego Freitas e Gabriela Schmalfuss Borges

Entrevista com o presidente da Câmara, Luis Weber

por São Lourenço Repórter | 30/12/2020