Em entrevista ao São Lourenço Repórter na manhã desta terça-feira (2), conversamos com o Prof. Dr. de Geografia da rede municipal/estadual, Roni Hilsinger, o qual contextualizou sobre seus estudos e dados climáticos, após aquisição de uma Estação Meteorológica Automática (EMA) montada e instalada pelo professor durante o ano de 2020, no mês de agosto, na localidade de Monte Alegre (6º Distrito), na zona rural do município de São Lourenço do Sul, dentro da bacia hidrográfica do Arroio São Lourenço e, que está em constante atividade.

Localização da Estação Meteorológica Automática.

Hilsinger conta que a EMA foi instalada de forma particular (exclusivamente com recursos próprios) com finalidade didático/pedagógica (suporte às aulas de Geografia nas escolas onde leciona) e, interesse científico pessoal. A ideia inicial era instalá-la na EMEF Martinho Lutero, mas devido a Covid-19 as aulas presenciais foram suspensas durante o ano letivo de 2020.

Periodicamente é realizado o download e feito o tratamento dos dados para a disponibilização das seguintes informações:

  • Temperatura (máxima, mínima, média, amplitude térmica);
  • Umidade (máxima, mínima);
  • Direção predominante do vento;
  • Velocidade média do vento;
  • Velocidade máxima das rajadas de vento;
  • Volume de chuvas;
  • Intensidade das chuvas;
  • Duração das chuvas;
  • Pressão atmosférica;

Devido os prognósticos de que enfrentaríamos novamente um período de estiagem no município durante o verão com potencial de comprometer o desenvolvimento da atividade agropecuária e inclusive afetar o abastecimento de água, Hilsinger elaborou um BOLETIM CLIMÁTICO do mês de janeiro, do volume de chuvas acumulado: “As chuvas se mantiveram no mês de janeiro acima dos padrões da normalidade. O volume acumulado no mês alcançou 254,7 mm (superando o DOBRO da média histórica de 30 anos projetada pelo site Climatempo; 124mm)”, evidenciou.

ESCUTE A ENTREVISTA:

Entrevista com o Prof. Roni Hilsinger

por São Lourenço Repórter | 2.02.2021