Reivindicações recorrentes dão conta da quantidade de entulho espalhado pelas ruas de São Lourenço do Sul. Nossa reportagem percorreu praticamente todos os bairros da cidade, e registrou os montes pelas margens das vias, ou em certos casos, atrapalhando a rota dos veículos, trazendo periculosidade e risco de acidentes. A paisagem remete a um verdadeiro caos, ou até a enxurrada vivida por lourencianos há 10 anos.

Se não bastasse o descaso, devido ao atraso no recolhimento na data correta, alguns moradores se utilizam dos montes para depositar lixo orgânico, ocasionando mau cheiro, além da evidente falta de comprometimento da vizinhança.

Em contato com o Secretário de Obras e Urbanismo, Claudiomar Gehling, ao final da tarde desta segunda-feira (22), a promessa de que a coleta do entulho estará devidamente em dia dentro de três semanas. “Lomba e Centro está pronto; Barrinha finaliza até amanhã (23); Balneário e Navegantes até 29, 30 de março; Vilas e Sete a partir do dia 30; Até o dia 10 a gente coloca tudo em dia”, informou.

Quanto ao maquinário: “A gente está conseguindo colocar em dia o que estava na oficina. Estamos chegando perto da normalidade”, afirmou Gehling, que conta no atual quadro com quatro caçambas, dois carregadores, uma retroescavadeira e dois caminhões de lixo (um fretado).

Quanto imprensa, nos cabe continuar acreditando em uma São Lourenço do Sul melhor, mesmo em períodos conturbados. Registrar situações que esta mesma administração já sanou, mas que no momento, vem gerando um desconforto com a população.