O São Lourenço Repórter entrevistou nesta quarta-feira (14), o conselheiro e cônsul do Grêmio, Gustavo Felipe Hammes, para fazer um levantamento do número de associados que o clube tinha antes da pandemia de Covid-19 e o atual quadro. De acordo com informações de Hammes, na reunião do balanço do ano de 2020 foi divulgado o quadro social em comparação ao mês de janeiro daquele ano, no qual apresenta queda de 17 mil sócios. “Uma queda muito significativa. Em números, de 87 mil caiu para 69 mil. São sócios em dia e isso dá em torno de R$ 1,8 milhões mensal na queda de arrecadação”, completou.

Segundo o conselheiro, a folha salarial do elenco gira na casa dos R$ 12 milhões e, a arrecadação do quadro social é responsável pela grande parte dos pagamentos, ou seja, impacta diretamente na receita tricolor.

Ao ser perguntado sobre o número de associados que o Consulado Gremista Lourenciano possui, Gustavo informou que não apresentam grande queda. “Muitos trocaram a categoria, quem tinha a categoria da cadeira ou da arquibancada que era uma situação financeira maior, baixou para o sócio torcedor que é a partir de R$ 35,00 por mês. De 141 sócios em 2020, baixou para 129, não foi um número muito expressivo. Esse número é dos sócios em dia”, evidenciou.

Sócios do Grêmio Foot-Bal Porto Alegrense:

  • Antes da pandemia: 87 mil
  • Hoje: 69 mil

Sócios do Consulado Gremista Lourenciano:

  • Antes da pandemia: 141
  • Hoje: 129

Para mais detalhes, ouça a entrevista completa:

Entrevista com Gustavo Felipe Hammes

por São Lourenço Repórter | 14/04/2021