Na sessão de segunda-feira, 19, foi aprovado o Projeto de Lei Nº 016/2021, de autoria da vereadora Fabiane Peglow (PSB), foi aprovado por unanimidade na Câmara de Vereadores de São Lourenço do Sul.

“Com o observatório, será possível um acompanhamento mais próximo da gestão do município, tanto na questão da prevenção e da conscientização, lutarmos contra a subnotificação, e com os relatórios que serão gerados, vai ser possível termos ações mais rápidas e mais diretas no combate a violência contra a mulher”, explicou a vereadora.

Atualmente, o município conta apenas com os dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado. Com o observatório, trimestralmente serão divulgados números da violência contra a mulher, além de promover discussões e análise de dados em conjunto entre os agentes das mais diversas pastas envolvidas na coleta de informações sobre a violência contra a mulher.

Os dados analisados serão extraídos das bases de dados da Saúde, da Família, Cidadania e Assistência Social, da Educação, da Central de Atendimento à Mulher (Disque 180), da Secretaria de Segurança Pública do Estado, do Ministério Público e da Defensoria Pública.

A vereadora evidenciou em sua fala os dois brutais feminicídios ocorridos em São Lourenço no ano de 2020, que chocaram a comunidade, mas que essas mulheres não sejam tratadas somente como números, mas sim para desenvolvermos luta e políticas públicas para diminuirmos esses índices e a necessidade que a administração municipal coloque em prática a lei aprovada pela Câmara Municipal.

Texto: Nadolpho Neto