Em entrevista ao São Lourenço Repórter na manhã desta terça-feira (8), o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Agricultores Familiares de São Lourenço do Sul, Valnei Bröse, abordou o mercado do fumo. São Lourenço do Sul é celeiro da cultura, com mais de 2.000 famílias envolvidas diretamente e um dos maiores produtores do país. A comercialização está em alta: “Nós estamos vivendo uma questão atípica. Algumas empresas comprando no galpão, o produtor conseguindo a remuneração acima da tabela”, informou.

Contudo, o cenário tem gerado incertezas em curto prazo – Bröse trouxe orientações ao produtor, como estar atento para a próxima safra; o momento de vender a produção e como o mercado deve se comportar daqui pra frente: “Produtor querendo saber o que se faz com as estimativas. Muitas vezes tem vínculo com uma empresa e outra ofertando mais pelo produto” – escute a entrevista: 

Entrevista com o presidente do Sindicato, Valnei Bröse

por São Lourenço Repórter | 8/06/2021