No final da última semana, a Administração Municipal decretou situação de alerta devido ao baixo nível de água na barragem de abastecimento do rio São Lourenço. Nesta segunda-feira (28), com imagens da Corsan, é possível observar que as chuvas da noite e madrugada, contribuíram para o reservatório. Contudo, em entrevista ao São Lourenço Repórter, o prefeito Rudinei Härter, adotou precaução em seu discurso. “A gente tem esse decreto, ele precisa ser cumprido, colaborado pela população. A estiagem é grande. Nós também decretamos Estado de Emergência; acumulou um prejuízo (produção rural) de R$ 283 milhões”, disse.

Conforme o decreto, fica proibido o abastecimento e substituição de água de piscinas, a lavagem de veículos em geral, utilização de lava-jato doméstico, bem como lavagem de calçadas, telhados e similares. Härter falou do alívio temporário com as chuvas, mas ressaltou que a situação ainda é crítica: “Poderá continuar a estiagem”.

Na oportunidade, o prefeito também falou das obras de desassoreamento na barragem. “Temos programado para o início da semana que vem a dragagem do leito da barragem; a Corsan que vai fazer” – escute a entrevista:

Entrevista com o prefeito Rudinei Härter

por São Lourenço Repórter | 28/02/2022