Conforme a portaria do novo valor do Piso Salarial Profissional Nacional para os Profissionais do Magistério Público da Educação Básica, assinada no início de fevereiro, com reajuste de 33,24%, maior correção salarial concedida à categoria desde o surgimento da Lei do Piso, em 2008, Governos Estaduais e Municipais precisam se atualizar. “Nós, buscando apoiar a classe do magistério, do quadro dos servidores públicos e agentes de saúde, encaminhamos as Audiências Públicas”, disse o vereador Paulinho Pereira (PSDB), convidando à comunidade a participar dia 23 de março da Audiência do piso do magistério e, dia 30 de março, a Audiência do quadro geral.

“O Governo Federal fez uma lei que é 33%, então todos os municípios tem que fazer esses reajustes”, reforçou o vereador Renan Hartwig (Progressista) ao São Lourenço Repórter na manhã desta quinta-feira (10), cobrando a Administração Municipal, uma vez que nenhum PL fora encaminhado até agora para a Câmara.

Denúncia às condições do Aterro Sanitário

Na entrevista, os vereadores também abordaram uma visita realizada ao aterro sanitário de São Lourenço do Sul, localizado no Espinilho. “Através de denúncia; no contrato diz que existe algumas horas só que aquele lixo orgânico pode ficar no solo. E lá, a gente avistou muito mais do que isso. E a precariedade com os funcionários, sem EPIs, mau cheiro”

——————————

Site: https://www.saolourencoreporter.com/

Facebook: https://www.facebook.com/saolourencoreporter/

Instagram: https://www.instagram.com/saolourencoreporter

Twitter: https://twitter.com/sl_reporter

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCi2Q8Id9oHhe6j78euBmdiQ

São Lourenço Repórter

Vinculado ao Web Site do Programa São Lourenço Repórter.

Há mais de 30 anos trazendo informação à população lourenciana.