VEREADORES ENCAMINHAM DENÚNCIA AO MP SOBRE SUPOSTO CASO DE NEPOTISMO NA PREFEITURA MUNICIPAL

VEREADORES ENCAMINHAM DENÚNCIA AO MP SOBRE SUPOSTO CASO DE NEPOTISMO NA PREFEITURA MUNICIPAL

Na segunda-feira, 6, a vereadora Fabiane Peglow (PSB) esteve acompanhada do vereador Paulinho Pereira (PSDB) no Ministério Público, para entregar uma denúncia assinada juntamente com os vereadores Emerson Pieper (PSDB) e Renan Hartwig (PP), sobre um suposto caso de nepotismo na Prefeitura Municipal de São Lourenço do Sul.

O documento assinado pelos vereadores e entregue no Ministério Público prevê a exoneração da servidora em cargo em comissão, nomeada em 18 de dezembro de 2020, que possui evidente relação de companheirismo e afetividade com chefe superior na Prefeitura Municipal.

O Nepotismo ocorre quando um agente público usa de sua posição de poder para nomear, contratar ou favorecer um ou mais parentes, como cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até terceiro grau. O nepotismo é vedado, primeiramente, pela própria Constituição Federal, pois contraria os princípios da impessoalidade, moralidade e igualdade.

Pin It on Pinterest